AIPIM
5W9A3566a.jpg

Apresentação

 

APRESENTAÇÃO

A AIPIM - Associação de Imprensa em Português e Inglês de Macau foi fundada em 8 de Julho de 2005, tendo sido primeiramente registada como AJRAEM - Associação de Jornalistas da Região Administrativa Especial de Macau. Contando actualmente com cerca de 80 sócios, maioritariamente jornalistas que trabalham em meios de comunicação social em português e inglês, a AIPIM tem, desde a sua fundação, ancorado a sua acção na defesa e promoção do livre exercício da profissão de jornalista, liberdade de imprensa e acesso às fontes.   
Ao longo dos anos, a AIPIM tem estado na linha da frente da defesa da liberdade de imprensa, tendo tomado posições públicas quando o livre exercício da profissão de jornalista e acesso às fontes encontraram obstáculos. Além de comunicados, a AIPIM tem organizado debates, abertos e em diálogo com a sociedade civil, em torno de assuntos relacionados com direitos, liberdades e garantias, questões éticas, bem como assuntos de interesse público relacionados com o desenvolvimento político, económico e social de Macau.
A AIPIM tem também trilhado um caminho rumo à auto-regulação que passou pela adopção de um Código Deontológico e de um Estatuto do Jornalista.
A formação profissional tem desempenhado também um papel importante na nossa acção, o que se tem reflectido em acções de formação relacionadas com ética e deontologia, jornalismo judiciário, direitos fundamentais e aperfeiçoamento técnico-profissional.  
Os direitos dos trabalhadores da comunicação social constituem outra trave-mestra da nossa acção, não apenas no fulcral direito de acesso à informação e ao livre exercício do jornalismo, mas também ao nível das condições laborais e acesso a cuidados de saúde. Nesse sentido a AIPIM é, desde a primeira hora, membro da União de Beneficência das Associações dos Trabalhadores da Comunicação Social de Macau (UBATCSM), fazendo parte dos órgãos sociais desta entidade que representa os trabalhadores na elaboração e implementação do sistema de seguro de saúde para os trabalhadores dos media em Macau. Além da AIPIM, fazem parte da UBATCSM quatro outras associações de trabalhadores da comunicação social.
A AIPIM também olha para o exterior com atenção procurando firmar laços com associações congéneres. O mundo de língua portuguesa é um espaço natural para nós, pelo que aderimos em 2010 à Federação de Jornalistas de Língua Portuguesa, (FJLP) uma organização que congrega sindicatos e associações de jornalistas de Países de Língua Portuguesa.